Comissão de Saúde do Trabalhador abre inscrições para o II Concurso de Redação “O jovem e o mundo do trabalho”

12-09-17-foto redação cist 0A Comissão Intersetorial de Saúde do Trabalhador de Piracicaba (CIST) já abriu as inscrições para o II Concurso de Redação “O jovem e o mundo do trabalho”, voltado a todos os alunos do ensino fundamental II e do ensino médio das escolas da rede estadual da cidade de Piracicaba e região e poderão ser feitas até o próximo dia 29 deste mês. Detalhes deste concurso foram discutidos em reunião ordinária da CIST, coordenada pelo seu presidente, Milton Costa, que aconteceu nesta segunda-feira, 11 de setembro, no Simesp, com a participação de representantes de trabalhadores, do empresariado e do poder público, representado pelo Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), que é o responsável pela coordenação deste concurso.

De acordo com Milton Costa, este concurso visa proporcionar aos alunos da rede estadual de ensino da Diretoria de Ensino de Piracicaba uma reflexão para que os estudantes possam questionar e escrever sobre a relação do jovem e o mundo do trabalho, por meio do tema: Como promover a cultura de prevenção de acidentes de trabalho na sociedade contemporânea? Conforme Helder Prado, que integra o Cerest, e que é o coordenador responsável do concurso, ao considerar a importância da leitura e escrita, este projeto busca contribuir para a técnica de produção textual, além de chamar a atenção para a necessidade do trabalho com saúde e segurança.

12-09-17-foto cist redação 2Os critérios do concurso estabelecem que cada escola poderá inscrever uma redação por turma, totalizando sete redações. Alunos do 6º ao 9º ano do ensino Fundamental II e alunos do 1º ao 3º do ensino médio da rede pública de ensino de Piracicaba e região poderão participar com a produção de textos. Cada escola poderá participar com uma redação por turma, cabendo ao professor/orientador a seleção. No final, serão escolhidas as dez melhores redações da região, em que os autores ganham prêmios.

A escola Criar Redação é responsável pela coordenação pedagógica e correção das redações selecionadas pelas escolas. Todas as escolas de rede pública de Piracicaba e região poderão participar. No entanto, caso não sejam enviadas as redações até o limite máximo da data de entrega/postagem estabelecida, automaticamente será subentendido que a escola não participará do projeto. “Não aceitaremos redações enviadas diretamente por alunos.  As regras e critérios para a escolha das redações finalistas ficam a cargo da escola Criar Redação-Piracicaba e CEREST-Piracicaba,  feitos por uma comissão estabelecida por professores e especialistas em correção de redações como do SARESP e vestibulares e em Segurança do Trabalhador.

Junto com as redações, cada escola participante deverá enviar obrigatoriamente: lista com a relação dos nomes dos alunos classificados e os nomes  dos professores/coordenação/direção das respectivas escolas onde estudam; a entrega das redações deverá ser feita diretamente na D.R.E. Piracicaba sito a Rua João Sampaio, 666 Bairro São Dimas, aos cuidados do professor João Antonio Gambaro.

12-09-17-foto cist redação 00Como fazer a redação: Cada aluno deve respeitar as orientações. a) o formulário em que o aluno fará sua redação é de uso obrigatório. b) O cabeçalho deve ser totalmente preenchido; c) textos fora do tema serão desclassificados; d) o título da redação é livre.

A principal proposta é fazer com que os estudantes reflitam, analisem e debatam em sala de aula sobre o tema, e depois escrevam. A redação deve ter no mínimo 15 (quinze) e no máximo 30 (trinta) linhas. Redações que não contemplem esse formato serão desclassificadas.

A redação deve ser desenvolvida a partir de pesquisas feitas pelo próprio

aluno, com orientação do professor quando necessário. As redações poderão ter enfoques diferentes, levando-se em consideração o próprio contexto de vida pessoal e social do aluno. É importante manter um texto coerente, coeso, objetivo e claro. O texto deve ser escrito em língua portuguesa do Brasil e devem seguir as exigências da tipologia texto em prosa.

Profissionais do CRIAR Piracicaba e do CEREST-Piracicaba escolherão os dez finalistas do concurso 2017. A lista com os nomes será divulgada nas escolas no mês de outubro.

Vanderlei Zampaulo – MTb-20.124